Rádio Evangelho FM

Leitores Online

domingo, 5 de junho de 2011

A Necessidade do Perdão


A ausência do perdão gera diversos verdugos nas nossas vidas. Verdugo é aquilo que nos maltrata e nos desgasta tanto física como emocional e espiritualmente.

Os verdugos físicos caracterizam-se por certas enfermidades psicossomáticas. Davi no salmo 31 nos fala que enquanto ele guardava o pecado escondido, sentia seus olhos envelhecerem, havia gemidos e seu vigor tinha se tornado em sequidão. (verso 4)

Os verdugos emocionais são caracterizados por um tipo de vida azeda, amarga, desconfiada e fechada, que não consegue abrir-se com ninguém, a pessoa vive permanentemente irritada, insatisfeita e amargurada.

Os verdugos espirituais obstruem a nossa relação com Deus. No sermão do monte o Senhor Jesus Cristo disse: «Se pois, ao trazeres tua oferta ao altar, e alí te lembrares de que teu irmão tem alguma coisa contra ti, deixa diante do altar a tua oferta, vai primeiro reconciliar-te com teu irmão, depois vem e apresenta a tua oferta a Deus.» (Mt 5:23 e 24)

O princípio básico que o Senhor Jesus queria nos ensinar aqui, é que não podemos prestar um culto digno a Deus com as nossas vidas mescladas de ódio, de ressentimento e de desprezo ao nosso próximo.

Amado irmão, nada que os homens possam nos fazer compara-se ao que temos feito a Deus e que continuamos a fazer diariamente. Se Deus tem perdoado nossa dívida para com ele, como podemos deixar de oferecer este perdão aos outros, que comparativamente, nos devem tão pouco. (Leia: Colossensses 2:13 e 14 onde o apóstolo diz que «O Senhor rasgou a nossa promissória» e Mt.18:23 a 25 sobre a parábola do credor incompassivo).











Por: Pr. Ozéas Correia dos Santos
Postar um comentário